webmaster

A Guerra Dos Browsers

Olá, Somos criadores de conteúdo apaixonados por web design, programação, criação de websites e tecnologias digitais. O nosso website está online! Explore a nova versão beta, onde terá acesso a novos recursos e melhorias. A sua experiência e feedback são muito importantes para nós! Novos artigos, todas as semanas! Fique atento.
Artigos SEO

Artigos SEO

Search Engine Optimization

Artigos WordPress

Criação de websites.

Tutoriais

Ensino numa série de passos simples

A Guerra Dos Browsers

O Browser Como Interface Do Motor De Busca

O aspecto mais interessante do Chrome é a integração da função de pesquisa do Google na barra de navegação do browser. Tanto o Internet Explorer, como o Firefox, incluem uma barra de pesquisa, oferecendo ao utilizador a possibilidade de seleccionar o motor de busca. A Google, ao integrar a barra de pesquisa com a barra de navegação, antecipa o futuro do browser como interface natural do próprio motor de busca.

Esta evolução dos browsers é perigosa para a empresa Google, que defende uma posição dominante no mercado de pesquisa, sem ter uma posição relevante no mercado dos browsers.

Estado Actual Dos 2 Mercados (Browsers E Motores De Busca):

  • O Google tem uma posição dominante no mercado de busca e defende essa posição;
  • O Internet Explorer tem uma quota a rondar os 70% no mercado dos browsers;
  • O Firefox tem uma quota a rondar os 20% no mercado dos browsers;
  • O Chrome tem uma quota inferior a 1% no mercado dos browsers;
  • O motor de busca da Microsoft, Live, não apresenta a qualidade necessária em termos de pesquisa;
  • A Mozilla Foundation não tem um motor de busca;

Que Risco Existe Para A Google?

O browser ao evoluir para o interface natural da pesquisa torna-se motor de busca. E o Chrome tem uma quota de mercado inferior a 1%…

Como É Que Se Ataca A Posição Dominante Do Google?

  1. O Live atinge a qualidade da pesquisa do Google
  2. A Mozilla Foundation lança, depois de 2011, um motor de busca com a mesma qualidade do Google
  3. Tanto a Microsoft, como a Mozilla, apostam no browser como interface dos respectivos motores de busca, conquistando mercado à custa da Google

Que Dificuldades Para a Microsoft E A Mozilla?

  • A Microsoft trabalha no motor de busca há anos. Ainda não conseguiu apresentar a qualidade necessária para destronar o Google. Não é previsível que, sem alterações substanciais à tendência actual, a Microsoft consiga superiorizar-se ou até igualar a tecnologia do motor de busca Google. E existem questões legais a considerar. O Windows tem uma posição dominante no mercado de sistemas operativos. Quem é que quer que a Microsoft também domine o mercado dos motores de busca e consequentemente da publicidade online?
  • A Mozilla Foundation não tem qualquer projecto activo para criar um motor de busca.

Como É Que A Google Defende A Sua Posição?

  • Cria as condições necessárias para que as extensões do Firefox possam ser migradas para o Chrome e presta especial atenção ao espírito de comunidade que a Mozilla criou;
  • Ataca o Internet Explorer no mercado OEM, de modo que o Chrome venha instalado nos novos computadores, juntamente com o Internet Explorer;
  • Oferece os seus serviços num mercado vertical, com um espírito comunitário e participativo, para evitar repetir os erros da Microsoft;

Dificuldades Para A Google?

  1. A Mozilla Foundation é uma organização sem fins lucrativos e criou uma comunidade que cultiva o espírito open source e de liberdade tecnológica face a corporações como a Microsoft. A Google é uma corporação com fins lucrativos e cotada em bolsa. A ideia da portabilidade das extensões entre Firefox e Chrome pode ser vista como uma apropriação do trabalho dessa comunidade e criar anti-corpos desfavoráveis ao Chrome;
  2. A Microsoft controla o mercado OME;
  3. A Google está concentrada na necessidade de oferecer valor aos seus accionistas e na lógica de crescimento da empresa;

A Questão Da Privacidade

A Mozilla pode apostar na ideia de que os utilizadores não devem confiar o seu histórico de navegação aos motores de busca, defendendo desse modo a privacidade dos utilizadores e a consequente separação browser / motor de busca. Poderá ainda oferecer opções de pesquisa complementares, para além das que já oferece:

  • Yahoo
  • Wikipedia
  • Motores regionais e locais
  • Ebay
  • Amazon
  • Shopzilla

Os motores de busca tem acesso ao histórico de pesquisa de cada utilizador. Mas, não tem acesso ao histórico de navegação de cada utilizador, excepto se o utilizador estiver a utilizar o browser desse motor de busca. Se você estiver a utilizar o Firefox ou o Internet Explorer, e escrever na barra de navegação www.gorila.pt, o Google não saberá que você acedeu a este site. Logo, a informação a que terá acesso será mais limitada.

Os motores de busca não são organizações missionárias e sem fins lucrativos. O negócio deles é a publicidade. E por detrás da publicidade estão os anunciantes. Se o Google tiver acesso a todo o histórico de navegação dum determinado utilizador, poderá fornecer a esse utilizador anúncios publicitários feitos à medida desse historial. A personalização da publicidade tornará o utilizador mais vulnerável enquanto consumidor.

A própria ideia de personalizar os próprios resultados da pesquisa em função do historial de navegação do utilizador resultará em menos pesquisas e na menor exposição do utilizador a novidades. Imagine o caso da Amazon. Se você comprar 2 ou 3 livros sobre biologia no site da Amazon, quando regressar, vai ser bombardeado com livros sobre Biologia. Isto funciona para a Amazon em termos de taxas de conversão a curto prazo, dado que se lhe apresentassem aleatoriamente uma qualquer novidade, a probabilidade de você comprar esse novo livro será menor do que a probabilidade de você comprar um livro sobre Biologia, um tema comprovadamente do seu interesse. Mas, também é verdade que após a compra de 2 ou 3 livros de Biologia, o seu nível de saturação relativamente a esse tema aumenta. E o nível de exposição face a novidades diminui, porque a Amazon restringe a oferta a livros que correspondem ao seu perfil de comprador. Logo, você comprará menos livros a médio e longo prazo. Trata-se duma simplificação grosseira, mas que podemos aplicar à pesquisa.

Com base no seu historial de navegação, o motor de busca poderá apresentar-lhe os seus sites preferidos. Ou parecidos com os seus sites preferidos. Mas, o lado negativo é que a sua exposição a sites que você não conhece vai diminuir. E a diversidade da informação a que terá acesso irá diminuir.

Os Beneficios Da Guerra

  1. O Firefox pode afirmar-se como um espaço de liberdade face aos browsers das corporate Microsoft e Google e, mesmo sem motor de busca, sobreviver a esta guerra dos browsers.
  2. A Google, com a dupla revolução, na qualidade da pesquisa e na massificação da publicidade Pay Per Click, e o consequente valor que criou para milhares de pequenas e médias empresas e até empreendedores individuais, merece a posição de referência no mercado de pesquisa e saberá conquistar a quota de mercado necessária para o Chrome.
  3. A Microsoft precisa de reinventar-se e duma nova liderança. Cometeu erros, mas já todos usamos sistemas operativos Windows e aplicações da Microsoft.

A competição é vantajosa para os consumidores. Quem é não se lembra dos tempos em que só existia a Portugal Telecom a oferecer serviços de comunicação em Portugal? Hoje, temos uma oferta variada, preços mais competitivos, houve inovação e evolução tecnológica e a PT continua a ser uma empresa grande.

E você? O que é que pensa?

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)

Deixe o seu comentário, participe!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Versão Beta

Estamos a mudar

Olá, Somos criadores de conteúdo apaixonados por web design, programação, criação de websites e tecnologias digitais. Ajudamos os nossos clientes a levar o conteúdo certo às pessoas certas, criando artigos e recursos que facilitam a criação e otimização de websites.

Artigos Populares

Guia Prático Sobre Segurança Do Joomla

Dicas para diminuir substancialmente o número de vetores de ataque ao Joomla! Proteja o seu trabalho!

Os Segredos Do Sucesso Na Internet

A responsabilidade. O querer. O erro e a experimentação. O social. A memória da internet. Ser quem você é.

38 Ideias Espetaculares Para Sites De Empresas

Encontre inspiração nestes 45 exemplos de sites de empresas para criar o site da sua empresa.

A Guerra Dos Browsers

A competição no mercado dos browsers aumentou com a entrada em cena do Chrome, da Google. A disputa entre o Firefox, Internet Explorer, Chrome, Safari e Opera trará vantagens para os utilizadores, dado que implicará uma aceleração da evolução tecnológica e da introdução de inovações.